Pesquisar
Close this search box.

Passo a passo de como tirar o visto mexicano

Passo a passo de como tirar o visto mexicano

Na data de ontem (03/08) o Governo do México publicou a decisão de voltar a exigir o visto físico para viajantes brasileiros que querem entrar no país.

Abaixo, confira o passo a passo de como tirar o visto físico que autoriza a entrada ao país:

REQUISÍTOS DO VISTO ELETRÔNICO PARA BRASILEIROS:

Nos portais das embaixadas do México no Brasil, foi informado que será concedido facilidades de migração para quem já tem viagem marcada para o país por via aérea. Para isso, será necessário preencher o formulário “Autorização eletrônica” que é um procedimento rápido e gratuito.

https://www.inm.gob.mx/sae/publico/pt/solicitud.html

A autorização tem validade de 30 dias após emissão para entrada no país, e a partir isso, é permitido até 180 dias de permanência.

Em caso de pedidos que não forem processados, o Governo do México informa que deve-se marcar uma visita no Consulado Mexicano, para a solicitação do visto físico.

Para agendar uma visita ao consulado do México no Rio de Janeiro ou em São Paulo, deve ser feito neste link: https://citas.sre.gob.mx/

Caso você precise de um visto de emergência, deve enviar um e-mail para: tramitesrio@sre.gob.mx (caso solicite no consulado do Rio de Janeiro) e faleconoscosp@sre.gob.mx (caso solicite no consulado de São Paulo).

Já na embaixada do México na cidade de Brasilia, também é possível solicitar um visto de emergência no e-mail: consuladomexbra@sre.gob.mx porém deve-se colocar no assunto como “VISA URGENTE”, também importante colocar no e-mail todos os dados da viagem, como a data de partida e nome das pessoas solicitantes.

EXCEÇÕES

Estão isentos de apresentar o formulário “Visto eletrônico” os cidadãos brasileiros ou de outras nacionalidades que portarem os seguintes documentos:

Residentes permanentes do Estados Unidos, Canadá, Japão, Reino, Unido, Irlanda do Norte ou qualquer país do Espaço Schengen, União Europeia ou da Aliança do pacífico (México, Chile, Colômbia e Peru).

Quem possuir visto de turismo vigente do Estados Unidos, Canadá, Japão, Reino, Unido, Irlanda do Norte ou qualquer país do Espaço Schengen.

Turistas que viajam por mar em navios de cruzeiro, podem ficar até 7 dias sem visto no porto de chegada.

CUSTO E VALIDADE

O visto tem o custo de USD 48,00 (algo em torno de R$ 250,00 no câmbio atual). O documento tem a validade 180 dias a partir da data de emissão.

REQUISITOS PARA VISTO DE VISITANTE

Para solicitar o visto de visitante, deverá seguir os passos abaixo:

1 – Formulário do visto (preenchido e impresso em frente e verso, e anexo uma foto 3×4 recente, colorida e em fundo branco).

2- Original e cópia do passaporte vigente.

3- Original e cópia de pelo menos um dos documentos abaixo:

– Extratos bancários dos últimos 3 meses;

– Documentos que comprovem a posse de um imóvel;

– Documentos que comprovem emprego e contracheque dos últimos três meses;

4- Pagamento do valor de USD 48,00 que deve ser pago em PIX.

5- No caso de estrangeiros, apresentar original e cópia de documento que comprove residência legal no Brasil.

Observação: Menores de idade deverão comparecer a entrevista junto de ambos os pais. Caso algum deles não possa estar presente, deve-se realizar uma procuração simples, com firma reconhecida, outorgando seu consentimento para a realização do trâmite.

Os vistos aprovados, serão entregues no mesmo dia.

COMPARTILHE

BarcelonaR$ 2.727
Belo HorizonteR$ 286
BrasíliaR$ 315
Buenos AiresR$1.105
CancúnR$ 2.963
CuritibaR$ 319
Fernando de NoronhaR$ 1.006
FortalezaR$ 527
JericoacoaraR$ 731
LisboaR$ 2.259
LondresR$ 3.259
Los AngelesR$ 3.405

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TRAVELEI

Destaques

Destinos Nacionais

Conheça as cidades históricas espalhadas pelo Brasil!

Explorar esses destinos é uma oportunidade de mergulhar na história do Brasil, compreender sua formação e se encantar com as belezas encontradas a cada esquina. Vale a pena conhecer e valorizar esse patrimônio que nos conecta com as raízes do país.

Leia mais »